Eu quero te pedir perdão

Eu quero te pedir perdão, sei que tenho andado um pouco relapsa com a nossa história. Sei que você não tem obrigação de me aceitar do jeito que sou, de me perdoar por tantos erros, de suportar minhas mudanças de humor, de tolerar meus medos infinitos, de engolir meu lado sombrio, de preencher meu vazio existencial e de me carregar no colo quando minhas forças não são fortes o suficiente. Me desculpa, sei que nem sempre sou divertida, inteligente, sexy, amorosa e gentil como deveria. Me desculpa, sei que andei um pouco ausente, sem vontade de te contar tudo aquilo que me aflige. Sinto um pouco de vergonha por ter saído à francesa da sua vida. Mas eu voltei. E isso deve ser bom para nós. Por favor, diga que me aceita de volta, de braços, coração e sorriso abertos. Preciso de você, do seu ouvido, do seu carinho sincero, da sua paciência. Preciso que você entenda que nem sempre consigo entender esse mundo cheio de angústias. Mas quero que saiba que a partir de agora vou me esforçar para melhorar um pouco isso que a gente chama de amor. Se você ainda me quiser estarei aqui.
Clarissa Corrêa.

Comentários