Resolvi fazer um trato comigo mesma

Resolvi fazer um trato comigo mesma: deixar o passado pra lá. O que aconteceu já foi e não posso fazer nada, nem lamentar. Não faz sentido sofrer por ter ouvido uma coisa chata, por ter feito alguma burrada, por ferir ou ter sido ferida. Por isso, hoje me desculpo, te desculpo e nos desculpo por todas as vezes em que fomos impacientes e pouco tolerantes um com o outro. Não vale a pena fazer tudo isso se arrastar dentro do peito por anos a fio. Os sofrimentos, se não formos atentos, se multiplicam de forma assustadora.
Clarissa Corrêa.