Sinto o cheiro do seu perfume

Eu juro que tentei começar esse texto umas 5 vezes, todas com palavras diferentes e não consegui. Não sei como falar essas coisas, fico sem jeito um pouco. Não acreditava em destino, alma gêmea, metade da laranja até te conhecer, foi meio que sem querer q-u-e-r-e-n-d-o. E olha só, hoje eu tenho você e você tem a mim, muito mais do que imaginávamos, eu acho. Você me tem de uma maneira tão fácil, que me conquista com apenas um “oi amor”, eu fico todo sem jeito com esse “amor.” Dou sorrisos bobos, as vezes nem sei o que responder. Hoje é dia dos namorados e tudo que eu queria era está com você, não porque é “dia dos namorados”, porque não acho que precise de um dia especificamente para nós demonstrarmos o que sentimos, dia dos namorados são todos os dias, assim como dia das mãe, dos pais e etc. Sinto o cheiro do seu perfume até hoje, aquela vontade de te abraçar e não soltar mais ainda está no meu peito. Vontade de te morder não falta, de te dar carinho, de falar nos seus ouvidos bem baixinho e-u-t-e-a-m-o-c-a-r-a-l-h-o. Vontade louca de te jogar na cama e fazer de ti mulher, fazer de ti minha. Aliás, você é só minha. Não gosto de dividir nada que eu gosto, imagina o que é meu? Não compartilho mesmo. A, aquela boca. De repente eu fico pensando nela, do nada mudo o meu pensamento, pra você. Seus olhos, sua boca, sua mão, sua coxa, tudo. Não tem como não pensar, sou meio idiota ainda de ficar pensando coisas do tipo, mas penso o tempo todo. Sou um eterno sonhador quando se trate de nós dois. Olha só, era pra eu estar falando do dia dos namorados, mas me perdi em você. Não quero que seja apenas um dia ao ano, quero que de todos os dias, façamos ele ser o nosso dia. Lado a lado, face a face, corpo a corpo. Acho que já está bom de escrever coisas que você já saiba. Coisas que todos já sabem, né. Mas como falar de você sem falar isso tudo? Tudo se torna clichê quando o assunto é você.
O menino Charlie.

Postagens mais visitadas deste blog

Caixa de Som Amplificadora TRC