Micro-ondas Electrolux MTD30 - 20L

Imagem
Micro-ondas 20 litros da Electrolux. Possui 09 Receitas pré-programadas: arroz, carne moída, omelete, pudim, bolo de caneca, brigadeiro, macarrão instantâneo, pipoca e hambúrguer e as teclas Menu Descongelar, Menu Kids, Menu Dia a Dia, Menu Sobremesa, Tecla Aquecer Refeição, Tecla Início + 30s, Tecla Relógio e Tecla Mudo: é só apertar a tecla “0” por 4 segundos e o som de “bip” desaparece. Tem ainda 10 níveis de potência, de manter aquecido até assar bolos e preparar carnes, trava de segurança que permite travar o uso do aparelho quando você quiser (ideal para evitar que crianças ou pessoas não autorizadas a usar o produto possam acioná-lo), além de painel e classificação energética A.

clique na foto dele acima para comprar

Fenômenos e Eletrodinâmica



Resumo escrito por:Montyc

A maior parte dos fenômenos naturais em que se observam os campos variantes no tempo são as ondas eletromagnéticas. Mas há outros fenômenos que geram campos variantes, como explosões solares, raios (descargas atmosféricas), relâmpagos, entre vários outros.


O universo existe numa constante dinâmica de ondas eletromagnéticas irradiadas por estrelas, buracos negros, quasares e tantos outros astros celestes. Estas ondas eletromagnéticas se encontram, assim, nas mais diversas freqüências como a luz, os raios X, a radiação cósmica, etc.
Também, os elementos radioativos que existem, são fontes de ondas eletromagnéticas de alta freqüência e poder de penetração, como os raios gama.
Um outro fenômeno da natureza que gera campos variantes no tempo são as explosões solares que lançam uma grande quantidade de partículas ionizadas no espaço, gerando uma densidade de corrente gigantesca, a qual, por sua vez, gera grandes campos magnéticos que, freqüentemente em suas ocorrências, faz-se sentir no planeta Terra dando efeitos como as auroras boreais.
Da mesma forma, a descarga elétrica num raio ou num relâmpago, é a passagem de cargas acumuladas em uma nuvem para a terra ou para outra nuvem, respectivamente, na forma de um grande impulso de corrente elétrica. Como esta dura um espaço de tempo muito pequeno, geralmente, e sendo uma densidade de corrente alta, há um campo magnético intenso gerado ao seu redor, que pode interferir nas telecomunicações, assim como nas linhas de transmissão de energia elétrica, devido ao alto campo elétrico gerado num dado momento (transitório eletromagnético).
A formação de um raio é fundamentada através do acúmulo de cargas elétricas nas nuvens por meio do efeito do atrito do vento sobre as partículas de gelo suspensas, cujo acúmulo de cargas gera um grande campo elétrico e que, ao atingir a intensidade de ruptura dielétrica do espaço livre (em torno de três MegaVolts por metro), as cargas livres (elétrons) sobem (ou descem) da terra na forma de um impulso de cargas, gerando um intenso campo magnético (pois o raio é uma densidade de corrente) de forma muito rápida (é um impulso). E dessa forma, ao redor deste campo magnético, é gerado um campo elétrico e assim por diante, que gera uma onda eletromagnética (geralmente percebida como ruídos em rádios).
Ou seja, fenômenos de vários tipos são encontrados na natureza, os quais são estudados pela teoria eletromagnética, e com os resultados, muitas perspectivas de novas tecnologias são encontradas numa comparação com a natureza.

Fenômenos Naturais e Eletrodinâmica Originalmente publicado no Shvoong: http://pt.shvoong.com/exact-sciences/engineering/2324530-fen%C3%B4menos-naturais-eletrodin%C3%A2mica/

Comentários