estilo greco-romana


Resumo escrito por:LinoSoeiro

O termo "pintura greco-romana" costuma denominar toda a pintura pertencente aos povos da Grécia e de Roma, pois a pintura romana é considerada, apesar de algumas ligeiras diferenças, uma continuação da grega, especialmente da do período helenístico


. Desta última, apenas nos chegaram alguns exemplos que, infelizmente, se encontram num estado muito deteriorado. Sabe-se, por fontes gregas e romanas, que eram pinturas de grande qualidade, destinadas à decoração de templos, palácios, túmolos e locais públicos.
Embora com características diferentes, a abundância e qualidade das pinturas que decoram os objectos de cerâmica, evocam a perfeição alcançada pelas pinturas sobre grandes superfícies. Da pintura romana preservou-se um grande número de obras, tanto murais como pequenos quadros. O mosaico foi utilizado pelos gregos desde o século IV a.C. e , mais tarde, pelos romanos.
O mosaico desenvolveu-se a partir do helenismo. Numa primeira fase, as tesselas que o formavam eram de pedra arredondada; mais tarde foram substituidas por pequenos cubos de pedra. Os gregos usavam os mosaicos para decorar as suas paredes, e os romanos, os pavimentos. Um claro exemplo da sua qualidade é o mosaico de Alexandre, que conhecemos através de uma cópia romana.
Conservam-se numerosas amostras da pintura romana mural e de cavalete. A pintura mural representa um exemplo do gosto generalizado em decorar as paaredes das casas, inclusivamente as de recreio. A pintura de cavalete é um testemunho do costume de oferecer quadros pequenos (naturezas-mortas, pintura de género) aos convidados dos banquetes. Temos de destacar os retratos pintados segundo a técnica da encáustica, encontrados nos sepulcros de Al-Faium, no Egipto romano. A pintura romana encontra-se insuperavelmente representada nas pinturas de Pompeia. Delas foram retiradas datas e estilos que se aplicam a todo o império.
As pinturas de pompeia perfeitamente conservadas devido à preparação dos seus muros (três camadas sucessivas de cal, areia, calcite e sabão) sobre os quais era aplicada uma mistura de pigmentos com cal, sabão e cera, as pinturas de Pompeia reproduzem formas e estilos gregos que já tinham sido utilizados durante o helenismo.

A pintura greco-romana Originalmente publicado no Shvoong: http://pt.shvoong.com/humanities/arts/2374332-pintura-greco-romana/

Comentários