Livro Morto até o amanhecer



:RodrigoLeeone
Para quem não sabe "Morto até o anoitecer" é o primeiro livro que realmente inspirou a adaptação fantástica da série True Blood.
Eu sou até suspeito para falar da série do quão fantástica ela é, mas vamos falar de Morto Até O Anoitecer.
A história é narrada por Sookie Stackhouse uma garçonete "comum'' que tem o doom de ouvir os pensamentos das pessoas e que vive em uma cidade aonde os vampiros andam pelas ruas normalmente. Todos a achavam louca pelo certo doom, isso até ela conhecer um certo homem que entrou no restaurante chamado, Bill Compton, em uma normal noite de trabalho. Tudo estava normal até saber que ele é um vampiro e ela está apaixonada por ele.
Para as pessoas que vêem uma história como essa começa a julgar e diz que esses gêneros, vampirescos, são todos os mesmos, mas como todos que julgam um livro pela capa, estão enganados.
A história vai evoluindo a partir de quando a Sookie conhece melhor a vida do vampiro Bill, e assim começam as aventuras e as encrencas.
No livro uma coisa que eu achei estranha foi que não mencionam nem a Tara (melhor amiga da Sookie na série) e nem mencionam o Lafayette(primo da Tara mas também amigo de Sookie). E na série eles só vivem juntos, mas no livro não acontece isso. O livro é só narrado pela visão da Sookie.
No início do livro a Sookie se ver metida em várias encrencas como dois drenadores de sangue se fingem de amigos do Bill e o sequestram para drenar o sangue dele e vender. Não citei anteriormente mais existe uma droga chamada V que é o sangue dos vampiros que os humanos tomam para ter uma ótima ereção e ficar extremamente ativo em tudo. Ou seja, em poucos palavras, drogado. A Sookie salva o vampiro, Bill, e eles se tornam de vez amigos depois passam a ser namorados.

A Sookie é levada para o Fangtasia que é o bar de vampiros mais conhecido da Louisiana para que ela própria conheça o vampiro Eric(conhecido por matar sem pena as suas presas). O Eric se apaixonada pela Sookie. Pronto, surgiu o Trio apaixonado.
O dono do bar aonde a Sookie trabalha se chama Sam, e ele sempre foi muito apaixonado por ela. E ele guarda um segredo sombrio(falar sombrio no meio dessa resenha de morto até o anoitecer é muito clichê, mas vamos lá) que a Sookie descobre na metade do livro.
O livro é ótimo, mas os pensamentos da Sookie conhece por vezes me deixar embaraçoso. E acho que todos os personagens que fazem parte da vida cotidiana da Sookie deveriam narrar. Isso que eu achei estranho na autora Charlaine Harris que ficou conhecida com essa história de amor e os seus vários livros acrecentando várias criaturas sobrenaturais.
Uma coisa que eu achei muito interessante foi que eu demorava absolutamente Uma hora para ler cada capítulo, o mesmo total de tempo dos episódios da série True Blood.
Achei tudo maravilhoso, mereceu realmente ser adaptado para a televisão.
E está aí uma indicação perfeita de livros, e se quiser seguir e ver nas telinhas a série.


Morto Até O Anoitecer Originalmente publicado no Shvoong: http://pt.shvoong.com/books/science-fiction/2251052-morto-at%C3%A9-anoitecer/

Comentários