Amor firme namoro e romance



por:AdineJoy

" Almejamos o que não podemos ter, mas desprezamos aquilo de que não podemos escapar." Este axioma é particularmente relevante em assuntos românticos e provavelmente influenciará nossa vida amorosa também.


A questão principal a ser aprendida é a importância do respeito em relacionamentos românticos. Ele é o combustível que alimenta o fogo.

O amor romântico é um daqueles raros desafios humanos em que o tamanho do sucesso é inversamente proporcional à quantidade de esforço. Aqueles que o buscam com mais dedicação são os que estão mais perto de fracassar.

A despeito do que o bom senso possa nos dizer ao contrário, a melhor chance que o cônjuge A tem para atrair e segurar o cônjuge que esteja se sentindo sufocado é mover-se em direção contrária à dele, comunicando assim liberdade para o cônjuge B e respeito para ele mesmo. Curiosamente, o cônjuge B frequentemente se move em direção ao cônjuge A quando isto ocorre. Todos nós observamos esta necessidade de “espaço” nos relacionamentos humanos. Mas, este conceito é ainda bastante difícil de se compreender quando diz respeito a nós mesmos e àqueles que amamos.

Dicas para ajudar o seu Amor firme:

1. Não deixe o relacionamento ir muito depressa no seu início. A frase “Não vá com muita sede ao pote” tem sua validade. Relacionamentos que começam de um modo muito frenético, frequentemente se esgotam depressa. Dê um passo de cada vez.

2. Não discuta suas incapacidades e defeitos em grandes detalhes quando o relacionamento é novo. Não importa quão amigável e compreensível seu companheiro possa ser, qualquer grande revelação que demonstre sentimentos de inferioridade ou fraquezas embaraçosas podem ser fatais quando situações interpessoais periclitantes ocorrerem. E elas certamente irão ocorrer.

3. Lembre-se que o respeito precede o amor. Construa pedra sobre pedra.

4. Não telefone constantemente, nem dê ao outro a oportunidade de ficar cansado de você.

5. Não seja tão rápido em revelar o seu desejo de casar, nem que você acha que acabou de encontrar o Senhor Perfeito ou a Mulher Maravilha. Se a pessoa em quem você está interessado não tiver chegado a mesma conclusão você poderá colocá-lo em pânico.

6. Muito importante: Os relacionamentos são constantemente “testados” por namorados cautelosos que gostam de ficar mordendo em volta da isca antes de engolir o anzol. Este tipo de procedimento se apresenta de várias formas, mas constantemente implica afastar-se um pouco da outra pessoa para ver o que acontecerá. Talvez iniciando uma briguinha boba. Talvez ficando duas semanas sem telefonar, ou algumas vezes flertando com uma rival. Em cada um desses exemplos a pergunta é: “Quão importante eu sou para você e o que você vai fazer se me perder?” ou ainda,  “Quão livre eu estou para partir se eu quiser?”. É incrivelmente importante nestas situações aparentar calma, segurança e igual independência. Não se agarre à outra pessoa nem implore por misericórdia. Algumas pessoas acabam ficando solteiras por toda vida porque não resistem à tentação de rastejar quando esta situação acontece.
7. Estendendo o mesmo conceito, lembre-se sempre que virtualmente todo relacionamento de namoro que continua por um ano ou mais e parece estar caminhando em direção ao casamento passará por um teste final. Um rompimento irá ocorrer, motivado por um dos envolvidos. O indivíduo que for rejeitado deve saber que o futuro dos dois juntos depende da habilidade com que ele ou ela lidará com essa crise.

8. Não dependa inteiramente da outra pessoa para a satisfação de suas necessidades emocionais. Mantenha interesses e atividades fora do relacionamento.

9. Proteja-se do egoísmo no seu relacionamento amoroso. Nem o homem nem a mulher devem ser os únicos a se darem num relacionamento.


10. Esteja atento aos óbvios sinais de aviso que lhe dizem que seu marido ou esposa em potencial pode ser desleal, vingativo, espiritualmente descompromissado, chegado a álcool ou drogas, dado ao egoísmo, etc. Acredite em mim, um mau casamento é muito pior do que a mais solitária vida de solteiro.


11. Logo que começar a relacionar-se com uma pessoa, trate-a com respeito e espere o mesmo respeito de volta. Um homem deve abrir portas para uma mulher numa noite formal; uma mulher deve falar respeitosamente com seu acompanhante em público, etc. Se você não preservar esta atitude de respeito quando os alicerces do casamento estão sendo colocados, será virtualmente impossível construí-los mais tarde.

12. Não coloque no mesmo nível o valor humano e a beleza física perfeita!


13. Não comece a crer que “ninguém jamais vai me querer”. Essa é uma armadilha mortal que pode destruir você emocionalmente. Milhões de pessoas estão procurando alguém para amar. O problema é o encontro mútuo!


14. Não importa quão luminoso tenha sido o seu romance, separe algum tempo para “conferir as pressuposições” com o seu namorado ou namorada antes de se comprometerem com o casamento. É surpreendente como homens e mulheres se lançam ao casamento sem levar em consideração as grandes diferenças em suas expectativas, tais como quantos filhos se quer ter, onde se vai viver, entre outros.

15. Se você abraça o seu amor sem firmeza ele voa para longe; mas se você o abraça muito apertado, ele morre.


16. Não há nada no casamento que acabe com as necessidades básicas de liberdade e respeito num relacionamento romântico. Mantenha o mistério e a dignidade em seu relacionamento.



Comentários