A desaparecida A chuva intensa não vai facilitar a vida aos detectives



Resumo escrito por:MaraAntunes
Numa estrada na zona rural do Oregon é encontrado, numa fria noite de tempestade, um carro abandonado. Embora estacionado junto à berma tem ainda as luzes acesas, o motor a trabalhar e a porta do condutor totalmente aberta. Curiosamente no banco ao lado do condutor encontra-se uma mala de mão, mas quanto ao condutor não há qualquer sinal.
Inspecionando o carro descobre-se que este pertence a Lorraine Conner, mulher de Pierce Quincy, um antigo profiler do FBI. , ela e Pierce vivem separados há pouco tempo, com o seu problema de alcoolismo, e sua profissão deixam em aberto várias hipóteses: estarão perante um suicídio, um acidente ou um sequestro.
A chuva intensa que teima em cair não vai facilitar a vida aos detectives já que as pistas que se poderiam recolher no local ou ao seu redor são rapidamente eliminadas.
Levando em consideração o estado da relação entre ambos, o marido é considerado, no início, o principal suspeito, no entanto, com a chegada de um pedido de resgate percebe-se, finalmente, que se trata de um sequestro. Falta agora descobrir se o rapto está relacionado com "os fantasmas" do passado de Rainie ou, pelo contrário, ligado a um arrepiante caso bem mais recente que ela e o marido investigam.
Com o desenrolar dos acontecimentos e o sequestro de Dougie Jones, uma problemática criança que conhece Rainie, a polícia percebe que o raptor não está atrás apenas do dinheiro, mas também de poder e fama.
Quincy juntamente com a sua filha mais nova, a agente do FBI Kimberly Quincy que veio de Atlanta expressamente para ajudar o pai, vão ter de travar uma verdadeira batalha contra o tempo para descobrirem o paradeiro de Rainie e Dougie e a identidade de quem está por detrás daquele terrível pesadelo.
Desaparecida Originalmente publicado no Shvoong: http://pt.shvoong.com/books/mystery-and-thriller/2359329-desaparecida/

Comentários